O escritório Terrazzan & Almeida Advogados é especialista em advocacia para empresas, para isso atuamos de forma estratégica, visando a otimização do tempo, respeito pelo cliente e a busca incansável pelos melhores resultados possíveis.

(11) 3661-2908

Rua Capivari, 215 - Pacaembu

contato@terrazzanealmeida.com

Jurídico para Empresas de Terceirização

Jurídico para Empresas de Terceirização: 3 Vantagens ao Contratar

Jurídico para empresas de terceirização. Os serviços de terceirização são cada vez mais comuns no cenário mercantil, isso porque no geral são de fato vantajosos.

Principalmente, melhoria nos processos, redução de custos e algumas preocupações a menos são algumas das vantagens de contratar uma empresa de terceirização de serviços.

Qual a importância de um jurídico para empresas de terceirização?

De ante mão, nem sempre a contratação e manutenção de colaboradores atende à legislação vigente. Por conta disso, ter um escritório de advocacia de confiança pode fazer com que diversos riscos sejam mitigados.

Descuidos podem gerar prejuízos incalculáveis para a empresa terceirizadora. Portanto, fazer com que sua empresa permaneça em segurança é fundamental durante o processo, algo que muitos empresários não se atentam.

Quanto é o momento de contratar uma assessoria jurídica?

Contudo, é fácil perceber quando é a hora de se preocupar com questões jurídicas. Para isso, basta o empresário identificar alguns pontos dentro da sua própria empresa, tais como:

  • Elaboração de contratos diversos
  • Aumento no número de contratações
  • Alto volume de desligamentos

Esses itens demandam uma atenção especial, e é neste momento que um escritório de advocacia especializado entra.

incentivos fiscais para e-commerce

Quais as vantagens de ter um jurídico para empresas de terceirização?

01. Criação e/ou análise de contratos

Como mencionamos acima, contratos demandam atenção. Em suma, este tópico passa despercebido por muitos empresários, que lembram apenas quando um problema surge.

Do mesmo modo, uma gestão competente permite minimizar riscos e identificar problemas futuros, agindo de forma preventiva para evitar prejuízos ao empresário.

02. Proteção de Dados

Primeiramente, sua empresa possui um políticas claras de segurança das suas informações e dos colaboradores contratados? Se a resposta é sim, ótimo! Se você não tem certeza e não está por dentro do assunto, ligue o sinal de alerta. Principalmente para 2022.

Acima de tudo, com as punições na LGPD entrando em vigor, o tema tem sido extremamente relevante no cenário mercantil. Isso porque, a proteção de dados ainda é um dilema dentro das empresas, algo que a maioria continua deixando de lado, para outro momento.

Determinar permissões de acesso aos dados;
Atualização das políticas de segurança
Definir um controlador/administrados dos dados;
Facilitar a edição ou remoção de dados;

Entre outros, são algumas das medidas que a empresa deve adotar para mitigar riscos perante a ANPD (Agência Nacional de Proteção de Dados).

03. Negociações Diversas

Empresário, não espere algo acontecer para após isso procurar um advogado especialista. É muito mais simples e barato ter um acompanhamento jurídico mensal, do que arcar com custos em processos avulsos.

A advocacia preventiva deve ser encarada como um investimento programado, pois somente ela poderá criar estratégias para resolver conflitos internos de forma amigável, ajustar procedimentos que podem gerar problemas e identificar de forma antecipada, situações de descumprimento das leis.

Conclusão

Portanto, fica claro o conceito de que jurídico e empresas de terceirização andam lado a lado, no mesmo time.

Antigamente, um advogado tratava apenas de questões jurídicas, hoje em dia isso mudou. No escritório Terrazzan & Almeida, atuamos de forma multidisciplinar e analítica, cuidando não apenas dos interesses da sua empresa nas áreas trabalhistas, como também tributárias e empresariais como um todo, participando ativamente de processos internos de criação de novos serviços, produtos ou qualquer outra demanda que possa gerar riscos futuros.

Deixar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *